quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

beber com chinaski


só vim curtir um som
beber com chinaski
todas as letras minúsculas da vida
um cigarro apagado entre os dentes
que mordem nervosos
porque é o último
e o melhor tem que ficar pro fim
mesmo que o fim seja sempre
agora
dizem que eu tenho esperanças
agora
dizem que eram apenas máscaras
só agora
dizem tudo isso
mas eu nunca disse que era o contrário
nem que era nada
mas era nada
bebo um gole mais com chinaski
e ele fica imóvel
eternamente soltando a fumaça do cigarro aceso
na fotografia do livro que comprei dum velho numa banca velha no centro velho e mais atual que nunca do centro da cidade
o fôlego aperta
um gole a mais
são os pulmões reclamando
percebo um sorriso jocoso na fotografia
é o chinaski tirando sarro
mas o cigarro continuará apagado
enquanto eu não termino de escrever

Um comentário:

CresceNet disse...

Gostei muito desse post e seu blog é muito interessante, vou passar por aqui sempre =) Depois dá uma passada lá no meu site, que é sobre o CresceNet, espero que goste. O endereço dele é http://www.provedorcrescenet.com . Um abraço.